Planejamento financeiro

Escalar o Aconcágua não é barato. Trata-se de uma montanha famosa e muito frequentada onde é obrigatório pagar muitas coisas, para começar uma permissão para escalar que custa entre 291  e 400 dólares para brasileiros

Há duas maneiras de escalar a montanha, uma é por agências, onde as coisas são facilitadas, mas custa muito mais caro e outra é por conta própria, onde gasta-se menos, porém é muito mais difícil e é necessário ter todos os equipamentos.

Custos médios de uma expedição comercial:

Permissão: 291 a 400 USD

Agência: de 3500 a 4000USD

Roupas e equipamentos diversos se forem adquiridos: 2200 USD

Roupas e equipamentos diversos se forem alugados: 850USD

Total: de + ou -4500 USD até 7000 USD *.

* Sem incluir o transporte do Brasil até Mendoza.

Custos médios de uma expedição independente:

Permissão: 291 a 400 USD

Equipamentos individuais se forem comprados: 3500 USD

(mais caro, pois inclui barraca e equipamentos de camping e cozinha que as empresas comerciais oferecem)

Equipamentos individuais se forem alugados: 1200 USD

Mulas: 400 USD

Transporte até o Aconcágua ida e volta: 50 USD

Total: +- entre 2000 até 4400 USD*

* Sem incluir o transporte do Brasil até Mendoza

Considerações a respeito dos custos do projeto

Como se vê, escalar o Aconcágua exige um alto investimento o qual é possível até mesmo comprar um carro popular, o que aumenta a responsabilidade de sua tentativa, mais um motivo para não tentar escalar a montanha sem ter experiência, quando a chance de cume reduz bastante.

 

 

 

 

Comments are closed